Psicólogo Murillo Rodrigues

Psicólogo (CRP 09/9447)| Professor | Pesquisador

segunda-feira, 3 de outubro de 2016

Skinner e a 2ª Guerra Mundial: "Pombos Kamikases" e Condicionamento Operante

Que Skinner foi um dos maiores psicólogos vivos da face da Terra é algo inquestionável, suas contribuições ao que conhecemos como psicologia moderna, que vai da área clínica à psicologia social, perduram desde sua sistematização até os dias atuais. O Condicionamento Operante foi, por suas teorias, explicado com grande maestria e tem sido utilizados desde tal data até agora na amenização e para sanar grandes problemas psicoterápicos e psicossociais. Mas uma grande curiosidade sobre a vida de Skinner é que ele utilizou seus conhecimentos a serviço da 2ª Guerra Mundial pelas forças armadas norte americanas.

O “Projeto ORCON” (Organic Control, ou também conhecido como Pigeon Project) foi pensado pela genialidade Skinneriana como uma forma de guiar mísseis através de condicionamento operante de pombos. Você pode se perguntar, porque alguém colocaria pombos para guiar mísseis? Simples, porque os sistemas computadorizados para teleguiar projéteis eram muito grandes e pesados, utilizados somente para artilharia de solo, sendo impossíveis de serem colocados em mísseis na época.

Skinner treinou pombos para bicarem lentes com imagens semelhantes a navios, e os colocou em número de 3 na ponta de cada míssil. Assim, quando os pombos identificavam navios no mar começavam a bicar lentes de vidro na direção do navio, ao passo que o míssil virava na direção da lente bicada. Poderia haver algum erro de “bicada” e os pombos errarem os alvos? Sim, mas até isso foi calculado: O míssil só respondia as bicadas de no mínimo 2 dos 3 pombos. Incrível não?!

E por acaso a invenção deu certo? SIM! Mas somente experimentalmente, não foi efetivamente utilizada na guerra por medo dos comandantes de ela “não dar certo”. Então no ano de 1944, o projeto da arma “psicopombológica” foi deixado de lado por conta do medo que os militares tiveram de isso não dar certo. Todavia o projeto foi retomado no ano de 1948, mas já era tarde demais, já se estava desenvolvendo projetos de armas mais avançadas, o que arquivou o projeto nova e definitivamente.

Acesse aqui um artigo de autoria de Skinner sobre o projeto, à época em Harvard (EM INGLÊS): http://www.scribd.com/doc/54946598/Pigeons

Veja abaixo um vídeo sobre o projeto:

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit, sed diam nonummy nibh euismod tincidunt ut laoreet dolore magna Veniam, quis nostrud exerci tation ullamcorper suscipit lobortis nisl ut aliquip ex ea commodo consequat.

0 comentários:

Postar um comentário

Depoimentos

Quer fazer um orçamento comigo?

Fale Comigo

@psicologiagoiania
+55 62 3241-7053
Instituto Psicologia Goiânia